Homenagens vão marcar os 39 anos da vaquejada de São Paulo do Potengi

Tudo pronto pra começar uma das mais tradicionais vaquejadas do Nordeste: A vaquejada de São Paulo do Potengi, criada há 39 anos. Se por um lado, as arquibancadas ficarão vazias; por outro as equipes de vaqueiros estão superando em número de inscrição, que este ano, serão limitadas.

A sexta feira começa com a classificação dos aspirantes e dos eternos campeões de vaquejada que já estão se deslocando de várias partes do nordeste para uma disputa a moda antiga.

No sábado é dia de disputa e da classificação da categoria aberta que só entrarão na pista pra disputa final no domingo.

A premiação é de 30 mil reais.

Os vaqueiros do passado escolheram a terra de Monsenhor Expedito como palco para um grande encontro de grandes nomes da vaquejada do brasil. Campeões que fizeram fama nas pistas de vaquejada.

A Sociedade Nordestina de Vaqueiros do Passado vai receber homenagem da Câmara Municipal da cidade, proposta pelo Vereador Diogo Alves e aprovada por todos os demais vereadores. 

E em contato com o presidente da entidade, Neto Negromonte, ele confirmou a homenagem que será feita ao vaqueiro mais velho do brasil, Seu Olímpio, que completou 100 anos.

Para Márcio Brito, organizador da vaquejada, a corrida cumprirá todo protocolo estabelecido pelos decretos, respeitando as normas da pandemia e toda providência será tomada para preservar a saúde de todos os participantes do evento.