Autópsia do corpo de Alex será feita em Timom

O corpo do vaqueiro Alexsandro Araújo, que morreu no povoado de Alto Alegre do Acelino, Maranhão, foi removido para IML - Instituto de Medicina Legal da cidade de Timon, que fica distante 328 quilômetros de São Luiz.

Ainda não há confirmação da causa da morte do vaqueiro, que foi participar de uma Live-bolão.

De acordo com o Boletim de ocorrência nº 137954/20, depois de participar da disputa,  Alex foi com outras pessoas para um posto de gasolina. Segundo Thiago de Tocantins, chamou ele pra ir embora. Ele respondeu: Vou Já. Pouco tempo depois o Thiago voltou perguntando por ele e o pessoal respondeu que ele saiu em direção do banheiro. A partir daí Alex desapareceu e foi encontrado morto na madrugada de domingo  boiando em um açude próximo ao posto onde estava com os amigos.

O BO foi registrado por Tiago e as diligências estão a cargo do Delegado Daniel Arruda Antunes.

Só após os exames do IML que surgirão evidências seguras sobre o que ocasionou a morte de Alex Araújo, um dos vaqueiros mais premiados de todo Brasil.

Alex tinha 36 anos de idade, deixa mulher e duas filhas.